antonielle.pnc@hotmail.com | 25 de Maio de 2019

logo

Penal Quinta-feira, 14 de Março de 2019, 09h:40 - A | A

OPERAÇÃO SODOMA 4

Silval e mais 10 réus terão que explicar sobre rombo de R$ 8 mi no próximo mês

Os depoimentos serão colhidos pelo juiz Jorge Luiz Tadeu Rodrigues, da Sétima Vara Criminal de Cuiabá, que já ouviu as testemunhas do caso

Lucielly Melo

image

Após ouvir as testemunhas sobre um suposto esquema que desviou R$ 8,1 milhões dos cofres públicos, apurado na quarta fase da Operação Sodoma, o juiz Jorge Luiz Tadeu Rodrigues, da Sétima Vara Criminal de Cuiabá, vai interrogar os réus do caso no próximo mês.

O ex-governador Silval Barbosa, o ex-chefe de gabinete, Sílvio Cézar Corrêa Araújo e o ex-secretário de Administração, César Roberto Zílio, serão ouvidos no dia 10 de abril.

No dia 11, foram convocados para esclarecer o esquema o ex-secretário de Gestão, Pedro Elias Domingos de Mello, o empresário Juliano Cézar Volpato e ex-secretário adjunto de Infraestrutura e delator, Valdísio Juliano Viriato.

Já no dia 12, serão interrogados o empresário Edézio Corrêa, o servidor e também delator Alaor Alvelos Zeferino de Paula e o ex-servidor da Secretaria de Estado de Transportes, Diego Pereira Marconi.

Por último, ficaram o ex-secretário adjunto de Administração e o ex-secretário de Administração, respectivamente, José de Jesus Nunes Cordeiro e Francisco Faiad, para serem interrogados no dia 15.

Todos serão ouvidos em oitivas de instrução marcadas para iniciar às 14h, no Fórum de Cuiabá.

Veja abaixo a lista:

– Dia 10 de abril de 2019 – ocasião em que serão interrogados os acusados abaixo registrados:

1 - SILVAL DA CUNHA BARBOSA – 14 horas

2 - SILVIO CEZAR CORRÊA ARAÚJO – 15:30 horas

3 - CESAR ROBERTO ZILIO – 17 horas

– Dia 11 de abril de 2019 – ocasião em que serão interrogados os acusados abaixo registrados:

1 – PEDRO ELIAS DOMINGOS DE MELLO, às 14 horas.

2 – JULIANO CEZAR VOLPATO, às 15:30 horas;

3 – VALDÍSIO JULIANO VIRIATO, às 17 horas

– Dia 12 de abril de 2019 – ocasião em que serão interrogados os acusados abaixo registrados:

1 – EDÉZIO CORREA, às 14 horas;

2 – ALAOR ALVELOS ZEFERINO DE PAULA, às 15:30 horas

3 – DIEGO PEREIRA MARCONI, às 17 horas;

– Dia 15 de abril de 2019 – ocasião em que serão interrogados os acusados abaixo registrados:

1 - JOSÉ DE JESUS NUNES CORDEIRO – 14 horas

2 – FRANCISCO ANIS FAIAD – 15:30 horas

Sodoma 4

A Polícia Judiciária Civil de Mato Grosso deflagrou em fevereiro de 2017, a 4ª fase da Operação Sodoma. A ação investigou fraudes em licitação, desvio de dinheiro público e pagamento de propinas, realizados pelos representantes da empresa Marmeleiro Auto Posto LTDA e Saga Comércio Serviço Tecnológico e Informática LTDA, em benefício da organização criminosa comandada pelo ex-governador Silval Barbosa.

Segundo as investigações, o suposto grupo criminoso teria cobrado propina de empresários, entre os anos de 2011 e 2014, para fraudar licitações e manter contratos de fornecimento de combustível, para a frota do Governo do Estado, e com uma empresa de informática.

O esquema teria desviado R$ 8,1 milhões das secretarias de Administração e de Transporte e Pavimentação (extinta Setpu).

Imprimir


Comentários



APOIADORES